.

.

Mais de 2,6 mil pernambucanos já recusaram a vacina contra a Covid-19, afirma governo

A Secretaria de Saúde de Pernambuco informou, nesta quarta-feira (31), que um acompanhamento junto aos municípios e unidades hospitalares mostrou que 2,6 mil pessoas no estado já recusaram a vacinação contra a Covid-19. Segundo o titular da pasta, André Longo, o número é lamentável, mas do ponto de vista estatístico seria considerado insignificante, diante das cerca de um milhão de doses já aplicadas no território pernambucano. Em relação aos trabalhadores de saúde, o gestor reiterou a portaria específica que estabelece aos profissionais a assinatura de um termo de responsabilidade. “Eles precisam retornar às atividades 21 dias após a imunização com a Coronavac e caso recusem ficam impedidos”, disse. Na última terça-feira (30), Pernambuco ultrapassou a marca de 1 milhão de doses da vacina contra a Covid-19 aplicadas na população pernambucana desde o dia 18 de janeiro. De acordo com o último levantamento, por meio do Programa Estadual de Imunização, foram exatas 1.005.497 doses já utilizadas, sendo 775.526 na primeira aplicação e 229.971 na segunda.
Até o momento, Pernambuco recebeu 1.438.880 vacinas contra a Covid-19, sendo 1.192.160 da Sinovac/Butantan e 246.720 da Astrazeneca/Oxford/Fiocruz. Segundo o estado, até o último dia 19/03, a indicação do Governo Federal era que as vacinas para a 2º dose do Butantan fossem guardadas, impedindo um maior avanço na imunização em todo o país. Só a partir do último dia 20/03 foi autorizado o uso dos imunizantes recebidos nos últimos dias em sua totalidade como primeira dose. Com isso, são 1.094.700 unidades para a primeira dose (53% dessas doses recebidas apenas nesta segunda quinzena de março) e 344.180 para a segunda. Fonte:https://www.diariodepernambuco.com.br/

Nenhum comentário:

Videos reportagem