.

.

Vereador de Nazaré da Mata é investigado pelo MPPE por ter sido aprovado em concurso público.

O presidente e vereador da Câmara dos Vereadores de Nazaré da Mata, Léo Teobaldo, do PTB, está sendo investigado pelo promotor de justiça da comarca de Carpina, Fernando Falcão Ferraz Filho, por ter passado na segunda colocação para o cargo de auditor de tributos fiscais do município, com renumeração inicial prevista em edital  de R$ 4 mil reais. O concurso público foi realizado pela Prefeitura de Carpina, por meio da empresa Concursos Públicos e Assessorias (CONPASS), em maio desse ano.


Vereador Léo Teobaldo

De acordo com o promotor, em vídeo divulgado pela imprensa local, algumas denúncias feitas ao Ministério Público de Carpina, pediam que o vereador Léo Teobaldo, aprovado na segunda colocação o cargo de auditor fiscal e a empresa organizadora da seleção, fossem investigados sob a suspeita de sua colocação na lista dos aprovados na seleção. 

Mediante as denúncias, o promotor Fernando Falcão Ferraz Filho, instaurou um inquérito civil para investigação, onde o vereador foi convocador a prestar depoimento ao MPPE, e na ocasião “confessou que nunca ter feito um concurso público na vida”. 

Ainda em depoimento, o promotor Fernando Falcão Ferraz Filho, questionou do parlamentar sobre os assuntos básicos de questões tributárias, já que ele teria sido aprovado na prova escrita com nota máxima, mas o vereador “não soube dizer nenhum livro que tratasse de direito tributário. Apenas que estou pela internet”. E acrescentou também que, “não seria mais candidato a vereador de Nazaré da Mata pelo fato de ter prestado o concurso público”. As declarações dada pelo vereador ao MPPE foi acompanhado pelo seu advogado. 

Na investigação, o promotor apurou que as provas de direito tributário e de auditor fiscal foram copiadas da internet. Além de que, a empresa realizadora do certame Compass, também é investigada de participar de vários escândalos em concurso públicos em Pernambuco e outros Estados.

O Inquérito Civil instaurado pelo promotor, identificou também que o concurso público realizado pela Câmara de Vereadores de Nazaré da Mata este ano, apresenta na lista dos aprovados funcionários comissionados da cidade de Carpina. 

“Chegou uma denúncia anônima ao Ministério Público dizendo que o Presidente da Câmara dos Vereadores de Nazaré da Mata, teria sido aprovado em Carpina, e que por sua vez, pessoas que trabalham na Prefeitura de Carpina, teriam sido aprovadas nas primeiras colocações no concurso para Câmara de Nazaré da Mata, no entanto essa seleção foi feita por outra empresa, é uma informação preliminar e não temos evidencia suficiente se há essa relação. Mas, sabemos que há pessoas daqui que realmente que foram aprovadas em Nazaré da Mata, entretanto não há indícios suficientes para comprovar o fato” antecipou o promotor.

Além do envolvimento do vereador, está sob investigação, outras pessoas que passaram nas primeiras colocações para prova de direito tributário e auditor fiscal de tributos municipais. 

O promotor Fernando Falcão Ferraz Filho afirmou que vai continuar apurando o caso, e que a liminar para suspensão do concurso de Carpina será enviado para uma das três varas cíveis do município, e espera que dentro de uma semana o processo possa está sendo ajuizado. Inicialmente, já foi solicitado o pedido de anulação do concurso.



Assista a declaração dada pelo promotor em vídeo:





Um comentário:

  1. Será que teve máfia ou não? kkkkkkkkk.
    Parabéns Ministério Público de Pernambuco pela ação investigatória. Bom seria também que os envolvidos fossem responsabilizados criminalmente.

    ResponderExcluir

Videos reportagem